04 dicas importantes para você se atentar na hora de planejar um projeto de iluminação.

Os detalhes fazem toda a diferença na hora de investir em um projeto luminotécnico eficaz

 

É inegável o poder que uma boa iluminação fornece para a composição de qualquer ambiente. Ao apostar em um projeto de iluminação personalizado, é possível aumentar a eficiência energética e reduzir drasticamente os gastos com a conta de luz no final do mês. Mas você sabe quais são os detalhes que podem fazer a diferença na hora de garantir um projeto luminotécnico mais eficiente para os seus clientes?

1 – Observando as particularidades do ambiente

 

Antes de iniciar um novo projeto de iluminação, é essencial fazer uma análise profunda sobre dos ambientes em questão. Esse é um projeto residencial mais simples ou é um projeto comercial que envolve a utilização de diferentes lâmpadas e luminárias LED? Lembre-se que o cálculo dos pontos de luz deve ser feito de acordo com as recomendações da norma NBR 5410 para evitar problemas no futuro!

 

2 – Verifique a durabilidade dos produtos

 

É muito comum encontrar pessoas que ainda não fizeram a troca das lâmpadas fluorescentes pelas novas lâmpadas LED. Boa parte dos consumidores não sabe, mas as lâmpadas LED podem oferecer uma autonomia de até 25.000 horas, chegando a ser três vezes maior do que a durabilidade de uma lâmpada fluorescente comum.

 

3 – A importância da temperatura da cor de luz no projeto

 

Ao comprar um produto LED no mercado, é possível escolher a temperatura de cor da luz que mais se encaixa com o perfil do projeto de iluminação. A cor da luz faz toda a diferença no ambiente, e seu principal objetivo é fazer com que o cômodo tenha o nível de luminância exato de acordo com cada necessidade específica. Existem basicamente duas variações de temperatura de cor que podem ser utilizadas: a cor quente e a cor fria.

 

A cor quente é caracterizada pelo seu tom amarelado, o que transfere uma sensação de conforto para quem está no local. As cores quentes se assemelham muito com o efeito visual causado pelo sol, variando em tons de vermelho, laranja e amarelo. A cor fria é ideal para a sala de estudos ou para áreas como a lavanderia ou o banheiro devido à sua ação estimulante no ambiente, o que garante uma maior concentração na hora de executar as tarefas diárias.

 

4 – Tendências e novidades no mercado LED

 

O mercado de lâmpadas e luminárias LED evolui constantemente, oferecendo opções modernas e eficazes para o projeto de iluminação dos clientes. Uma das maiores tendências fica por conta dos sistemas de automação da iluminação, otimizando o tempo de funcionamento das luzes e cortando gastos desnecessários com energia.

 

Outra grande aposta no mercado de lâmpadas LED são as famosas lâmpadas com sensor de presença. Com elas é possível otimizar a energia elétrica e gerar uma economia extraordinária através da utilização consciente dos produtos.

 

Seus clientes buscam um projeto de iluminação inteligente? Com a tecnologia LED é possível investir em algo personalizado e focado nas demandas de cada ambiente, garantindo assim uma economia significativa.

Gladiston Moretti

Diretor de vendas e sócio-proprietário da Rimo Elétrica. Possui mais de 29 anos de experiência em materiais elétricos e iluminação. É especialista em soluções em LED para o mercado corporativo.